Notícias

Voltar para Notícias

Confira três tipos de armazenamento externo de dados

O armazenamento de dados é o processo pelo qual dispositivos são capazes de ler e gravar arquivos. Cada um deles possuem características distintas que levam em consideração desempenho, confiabilidade e recuperabilidade, entre outros fatores. Atualmente contamos com diversas categorias de unidades de armazenamento, podendo encontrar no mercado uma grande variedade de dispositivos internos ou externos capazes de armazenar uma grande quantidade de dados. 

A seguir vamos falar sobre os dispositivos de armazenamento externos. Eles permitem mais portabilidade e transferências fáceis de arquivos de um dispositivo para outro. Além disso, servem para armazenar grandes quantidades de informações sem ter que ocupar a memória interna do computador. Confira.

 

Conheça os tipos de armazenamento externo de dados

 

Armazenamento eletrônico

Envolve o uso de dispositivos de armazenamento geralmente removíveis e memórias em estado sólido ou SSDs (solid state drive) por não possuírem partes móveis, apenas circuitos eletrônicos que não precisam se movimentar para ler ou gravar informações.

 

O grande diferencial são as unidades, compostas apenas por circuitos. Dessa forma, tanto a leitura quanto a gravação de informações não requerem nenhum tipo de movimento.

 

Os dispositivos de armazenamento por meio eletrônico são os mais utilizados atualmente e podem ser encontrados com as mais diversas aplicações. Como exemplo temos Pen Drives até cartões de memória para câmeras digitais, e, mesmo os discos rígidos possuem uma certa quantidade desse tipo de memória funcionando como buffer.

 

Armazenamento óptico

Os drives ópticos funcionam por meio de um sistema de leitura e gravação a laser. Esse tipo de armazenamento opera em discos ópticos circulares, nos quais o laser cria sulcos microscópicos (em apenas uma de suas faces), codificando as informações para que possam ser gravadas e recuperadas.

 

Geralmente, permite uma única gravação e depois apenas a recuperação dos dados, mas são práticos e confiáveis. Os melhores exemplos são discos compactos (CD), suas variantes de vídeo (DVD) e outros modelos mais recentes, como Blu-ray ou discos regraváveis ​​(CDR e DVDR).

 

Disco de arquivo (Archival Disc – AD)

Foi o nome dado pelas empresas Sony e Panasonic  ao novo formato de disco óptico para armazenamento digital de longo prazo. Possui maior capacidade e maior resistência à água e poeira, bem como mudanças de temperatura ou umidade.

 

Na TechCD é possível encontrar o Optical Disc Archive da Sony. Ele se conecta diretamente à rede e o acesso é o mesmo que o de qualquer disco rígido. Portanto, você pode transferir arquivos pelo método “arrasta e solta”. Mais rápido do que a fita e mais confiável do que os discos rígidos, oferece acesso aleatório bastante rápido ao conteúdo sempre que necessário. É uma ótima opção que atende a qualquer tipo de projeto, desde usuário comum até grandes empresas.

Veja mais notícias

Melhore o custo-benefício da sua impressão de etiquetas

A impressão de rótulos e etiquetas de maneira correta pode fazer toda a diferença para o...

Leia mais

Os melhores acessórios e softwares para impressão 3D

Essencial para a facilidade de muitos processos em empresas e negócios de tecnologia, as...

Leia mais

Tendências tecnológicas para a indústria em 2024

Conhecimento é essencial para quem deseja impressionar e agarrar todas as oportunidades este ano....

Leia mais